Vereadora Janete Capiberibe volta a cobrar do GEA a abertura imediata da Maternidade de Parto Normal da Zona Norte

por Sec. Comunicação publicado 25/11/2021 19h58, última modificação 25/11/2021 19h58

Na Sessão Plenária desta quinta-feira, 25 de novembro, a vereadora Janete Capiberibe (PSB) voltou a cobrar a abertura imediata da Maternidade de Parto Normal da Zona Norte de Macapá. A parlamentar, em conjunto com as demais integrantes da Procuradoria Especial da Mulher da Câmara Municipal de Macapá, teve diversas agendas no corrente ano, em visita à maternidade para verificar as condições do prédio e reuniões com o Ministério Público Estadual para analisar a situação.

“A Promotoria alegou que o Governo do Amapá já responde por ação civil pública para a inauguração imediata da maternidade. Em 2020, o prédio foi usado como centro de tratamento de Covid, mas não realizou nenhum parto, dos 300 mensais que estavam programados no projeto original. A maternidade foi concluída em 95% ainda no governo de Camilo Capiberibe, em 2014. O pouco que faltava para concluir foi esquecido pelo Governo do Estado, na gestão atual”, afirmou a vereadora.

Ainda na mesma sessão, Janete Capiberibe aprovou requerimento à SEMOB, solicitando serviços de terraplanagem e pavimentação asfáltica na Avenida José Loureiro de Sena, entre a Rodovia do Curiaú e a Rua Maria da Silva Xavier, no Bairro Jardim Felicidade II, na Zona Norte de Macapá. “Reunimos com moradores da comunidade que nos solicitaram a realização dos serviços. Destacamos que esta via foi a primeira avenida habitada do Bairro Jardim II. Foi também a primeira que a CEA colocou energia, e ainda, a primeira avenida que recebeu telefone/orelhão. Com todo esse histórico, encontra-se cheia de poças de água, valas e quase intrafegável, deixando a população sem condições de acesso a própria avenida. Dessa forma, preocupados com o inverno, que também agrava a situação e trazendo ainda mais sofrimento para aquela população”, declarou a vereadora.

Ascom/Janete Capiberibe
Foto: Jaciguara Cruz