Vereador Claudiomar Rosa abre debate sobre o transporte coletivo na Tribuna da CMM

por Sec. Comunicação publicado 24/06/2022 14h22, última modificação 24/06/2022 14h22

A 27ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Macapá, realizada na manhã desta terça-feira, 21 de junho, teve como pauta principal dos debates as ações do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá – SETAP - divulgadas, por meio de uma nota da própria entidade, que apontam decisões a serem tomadas a partir desta quarta-feira, 22 de junho.

De acordo com a nota, o SETAP anuncia a redução de 100% da frota de ônibus até o fim deste mês. “Existe uma crise nacional, onde mais de cem cidades grandes e pequenas já trabalham com frotas reduzidas, o sindicato também aguarda que a prefeitura de Macapá tome uma providência, no sentido de reavaliar, juntamente com a Câmara Municipal, o reajuste da tarifa”. Ainda, segundo o sindicato, a paralisação atingirá as linhas urbanas, municipais e metropolitana e intermunicipal.

O debate sobre o transporte coletivo teve ênfase na CMM, a partir do uso da Tribuna pelo vereador Claudiomar Rosa (AVANTE). O parlamentar disse ser “legítimo as empresas pleitearem o aumento, mas o momento é difícil para todos, a população também está sofrendo com o aumento dos preços dos combustíveis e não pode pagar essa conta sozinha, é preciso muito diálogo para encontrar uma solução que não jogue sobre os ombros da população o “prejuízo” dos empresários, por isso, é fundamental a Câmara acompanhar de perto todo esse processo. Inclusive, acompanhando as diversas denúncias de salários atrasados, e isso é inadmissível”, ponderou o vereador.

Para o vereador Caetano Bentes (PR), esta pauta jamais passará despercebida dentro da CMM. “Só pode haver aumento e discussão de tarifas ou qualquer coisa relacionada a essa questão, a partir da instalação do Conselho Municipal de Transportes que está dentro da Lei Orgânica do Município, isso é um dever de casa, seja prefeito, CTMAC ou câmara de vereadores”, pontou o vereador.

Além do vereador Caetano, os vereadores André Lima (Rede), Gian do Nae (MDB) e Carlos Murilo (PP) aplaudiram e se posicionaram sobre o tema levantado por Claudiomar Rosa. Eles foram unanimes em afirmar que a Câmara de Vereadores tem a prerrogativa de deliberar sobre aumento ou não da tarifa, a partir da decisão do Conselho Municipal de Transportes.

Ascom/Claudiomar Rosa
Fotos: Jaciguara Cruz